Golf Cabriolet no forno

Golf Cabriolet no forno
Volkswagen inicia a produção do modelo, que chega ao mercado europeu no segundo semestre

Na tarde desta quinta, 17, a fábrica da Volkswagen em Osnabrück, noroeste da Alemanha, recebeu a visita do presidente do país, Christian Wulff e do primeiro-ministro da Baixa Saxónia, David McAllister. A dupla, na companhia do presidente do Conselho de Administração da VW, Martin Winterkorn, compareceu a inauguração da linha de produção do novo VW Golf Cabriolet, modelo apresentado no último Salão de Genebra.
Criado com base no Golf de duas portas, o modelo usa uma capota de lona de comando eletrohidráulico, que consegue abrir e fechar em 9,5 segundos. O veículo conta com seis opções de motor, são quatro unidades TSI (1.2 de 105 cv, 1.4 de 122 cv e 160 cv e 2.0 de 210 cv) e dois TDI (1.6 de 105 cv e 2.0 de 140 cv).

A mesmo unidade em que o Golf está sendo produzido deve ser escolhida para a produção dos modelos Boxter e Cayman da Porsche. A fábrica tem uma capacidade de produção de cerca de 100 mil unidades/ano e representa um investimento de aproximadamente 300 milhões de euros por parte da VW.

0 comentários:

Postar um comentário